Pular para o conteúdo principal

Por que o K-Pop não deve ser ignorado? O que é?; Por que ouvir?

Oi pessoal! Tudo bem com vocês? Faz tempo que eu não apareço por aqui, certo? 2018 chegou e com ele estou abrindo um novo tipo de publicação aqui no blog, o "diversos", onde eu vou postar literalmente sobre diversos assuntos, dicas, o que aparecer para publicar eu vou. Tenho algumas entrevistas pendentes aqui para o blog, mas pretendendo suprir os atrasos até Fevereiro, além das resenhas, que continuam normalmente!
Sobre meu sumiço, eu estou tentando terminar o segundo e terceiro livro da minha série Hidden Love! Está sendo um processo longo, passei por diversos bloqueios criativos, além da minha vida pessoal na faculdade e no meu curso, acho que ainda estou tentando me recuperar.
Mas vamos falar de coisa boa, né? Vamos começar logo esse post!

~~~~~~~~~~


Na foto da esquerda para a direita, - no topo -, Blackpink (girlgroup), BTS(boygroup), - abaixo-, KARD (grupo misto) e IU (cantora solo)


• O que é?

Com certeza você já deve ter ouvido por aí a palavra "K-Pop", se não, saiba que dos últimos anos para cá o gênero musical ganhou o Brasil e o mundo de tal forma que lidera as redes sociais com fã-bases totalmente dedicadas, tipo muito, muito, muito, muito, postagens, sites especializados, votações, lotação em shows, entre outros. 
Só para curiosidade, o gênero musical surgiu na década de 1990 na Coréia do Sul, bem como as agências conhecidas como BIG THREE (SM, JYP e YG Entreteniment). O K-Pop, ou Korean Pop, ou música pop coreana não se difere muito da ocidental, ela tem influências R&B, Rock e Pop. 

• Por que ouvir?

Eu posso te dar mil motivos para você ouvir e ainda será insuficiente. Muitas pessoas levam na cabeça a ideia de que "Eu não entendo, para que vou ouvir?", mas e o Inglês? Espanhol? Você entende bem para falar assim do coreano? Às vezes sim, às vezes não, eu pessoalmente tinha essa mentalidade na cabeça, eu ficava confusa do porquê aquilo fazer tanto sucesso, então eu percebi que o idioma não tinha nada a ver com não escutar o gênero, e que música, é música, nada muda, só fica melhor a cada dia. As músicas são completamente viciantes (falo isso por experiência própria), têm muitas batidas, faz qualquer um dançar! Sem contar as performances dos artistas em shows e MVs (videoclipes), é uma sincronia inexplicável (os artistas trabalham duro para isso). Sobre o visual dos grupos e artistas solos, eles apostam em cabelos coloridos, figurinos chamativos e por aí vai.
Como eu falei anteriormente, tudo é muito bem feito nos grupos e artistas solos, mas algo que eu não comentei foram as letras! As letras são por muitas vezes sobre amor (ah vá, num acredito, Paula!), sentimentos pessoais, críticas sociais, etc.
Além do ritmo ser pegajoso, você se pega cantarolando, mesmo que for só tentando... A gente só tenta cantar. E além disso, como o espaço do K-Pop está se ampliando a cada dia que passa, nada mais vira uma barreira, os artistas estão tomando as paradas musicais norte-americanas, serviços de streaming, mas infelizmente aqui no Brasil e em outros países é um pouco (talvez um pouco mais, mais...) ignorado pelas rádios, dá para contar nos dedos onde toca o gênero.
Acredito que se você ouvir, irá gostar, se não, não tem problema, cada um é cada um, mas talvez um dia na sua memória você se lembre que dançou Gangnam Style há alguns anos. (brincadeirinhas!)

• Quais são os principais artistas?

Eu fiz uma lista com dezesseis artistas que marcaram o K-Pop mundialmente e continuam fazendo sua história, com certeza eu vou deixar vários artistas de fora, mas acredito que com eles você possa conhecer um pouquinho do que eu falei acima! *Clique em cada foto e assista ao videoclipe mais famoso do artista!

1. PSY


2. Super Junior

3. SHINee

4. EXO

5. Girls Generation


6. Big Bang


7. GOT7


8. BTS

https://www.youtube.com/watch?v=bw9CALKOvAI
9. HyunA

https://www.youtube.com/watch?v=j7_lSP8Vc3o
10. 2NE1

https://www.youtube.com/watch?v=8o4Zj98FeX4
11. CL

12. IU

https://www.youtube.com/watch?v=ePpPVE-GGJw
13. TWICE

14. Blackpink

https://www.youtube.com/watch?v=QslJYDX3o8s
15. Red Velvet

16. KARD


• Minha experiência no K-Pop e o que mudou

Gostaram das minhas indicações? Essa lista não foi nem um pouco fácil de fazer, mas eu espero que tenha dado conta do recado! Ps: talvez futuramente eu faça outra lista com revelações do K-Pop, ou artistas que deveriam ter mais reconhecimento!
Mas enfim?! E minha experiência no K-Pop, como está sendo? Será que é uma diferença muito grande do que eu ouvia? Felizmente, eu estou amando fazer parte dessa comunidade, as pessoas são muito acolhedoras, apesar que internamente algumas fã bases não se entendem, mas isso é uma história para outro dia! Eu estou nesse mundo há pouquíssimo tempo, quatro meses mais ou menos, mas faço parte do ARMY (BTS), estou me inserindo também no HIDDEN (KARD) e no MOOMOO (MAMAMOO que é um girlgroup), não se encontra na lista, mas eu colocarei em postagens futuras!). Muitas coisas na minha vida mudaram depois que o BTS entrou nela, especificamente, pois por causa deles eu estou fazendo esse post e entrei nessa comunidade! (haha), e também meu bloqueio criativo sobre meus livros enfim acabou e estou conseguindo trabalhar sem problemas. Acho que eu fiquei mais determinada nos meus sonhos, mesmo que eles dessem errado; o importante é tentar, nunca desistir e eles passam isso para a gente. 


Pesquisas foram feitas nos seguintes links:
~

Comentários

  1. Gostei das indicações, Paula. Interessante, é que já ouvia as músicas, mas não conhecia os grupos que cantavam.
    Meu filho foi que me apresentou a cada uma, e, entre essas, escolhi Girls Generation e IU.
    Já tenho muitas de suas músicas em minha playlist.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada! Geralmente ouvimos e não sabemos quem canta! Nossas playlists só tendem a crescer! ;)

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais vistas

Resenha: The Roman - Sylvain Reynard

LANÇAMENTO: 06/12/2016
TÍTULO: THE ROMAN
GÊNERO: FICÇÃO, THRILLER, ROMANCE
AUTOR: SYLVAIN REYNARD
NÚMERO DE PÁGINAS: 300
EDITORA: EVERAFTER ROMANCE
IDIOMA: INGLÊS



SINOPSE
Raven e sua irmã, Cara, estão à mercê de um pequeno destacamento de vampiros florentinos, que estão entregando-as como uma oferta de paz para a temida Curia em Roma. Embora não tenha certeza de que William sobreviveu ao golpe que derrubou seu principado, Raven está determinada a proteger sua irmã a qualquer custo, mesmo que isso signifique desafiar Borek, o comandante do destacamento. Em um esforço para impedir que Raven caia nas mãos de seus inimigos, William se põe à mercê do romano, o perigoso e misterioso rei vampiro da Itália. Mas o romano não é o que ele espera ... Alianças e inimizades mudarão e se fundirão quando William luta para salvar a mulher que ama e seu principado, sem mergulhar a população de vampiros numa guerra mundial. Esta conclusão impressionante para a série florentina terá leitores em toda a Itália e além …

Review: The Roman - Sylvain Reynard

RELEASE DATE: DECEMBER 6TH
TITLE: THE ROMAN
GENRE: FICTION, ROMANCE, THRILLER
AUTHOR: SYLVAIN REYNARD
PAPERBACK: 300 PAGES
PUBLISHER: EVERAFTER ROMANCE
LANGUAGE: ENGLISH




SYNOPSIS
Raven and her sister, Cara, are at the mercy of a small detachment of Florentine vampyres, who are delivering them as a peace offering to the feared Curia in Rome.
Though she’s unsure William survived the coup that toppled his principality, Raven is determined to protect her sister at all costs, even if it means challenging Borek, the commander of the detachment.
In an effort to keep Raven from falling into the hands of his enemies, William puts himself at the mercy of the Roman, the dangerous and mysterious vampyre king of Italy. But the Roman is not what he expects …
Alliances and enmities will shift and merge as William struggles to save the woman he loves and his principality, without plunging the vampyre population into a world war. This stunning conclusion to the Florentine series will take readers across Italy and…

Entrevista com o fenômeno literário, J. A. Redmerski

Hoje o blog recebe uma das autoras mais vendidas ao redor do mundo, ocupando o primeiro lugar na lista dos jornais The New York Times, USA Today e Wall Street Journal. Suas obras já foram traduzidas para mais 20 idiomas! Aqui ela bate um papo comigo sobre algumas novidades para os fãs, inspirações para a sua escrita e muito mais!



Seus trabalhos têm sido traduzido em mais de vinte idiomas. Wow, isso é definitivamente grande! Você já imaginou chegar onde está agora?
Eu sempre sonhei isso, mas eu realmente nunca imaginei o sucesso – é algo surpreendente e arrebatador!

Por que você começou a escrever? Você teve alguma inspiração por alguns autores e seus trabalhos?
Eu comecei a escrever aos 13 – romances, enfim; mas antes disso eu sempre estive escrevendo algo. Eu fui inspirada principalmente por autores como Anne Rice e Neil Gaiman, dois de meus autores preferidos.

Você tem planos para traduzir seus outros livros para o português aqui no Brasil?
Eu adoraria ter todos os meus livros traduzidos,…